Acústico Jhony Uriel

Nos sábados a noite de São Paulo possui um cardápio enorme de bons lugares para ir, se divertir e ter contato com o que de melhor a música nos proporciona. São Paulo é uma cidade recheada de lugares que proporcionam acesso à cultura.

Mas no segundo sábado do mês de Abril entre tantos lugares fui ao Teatro Picollo em Santana na Zona Norte de São Paulo o trajeto facilitado por ter acesso de trem, metro e ônibus permite o deslocamento de Poá (Cidade da Grande São Paulo) a capital paulista.

Como é sabido o que é público nem sempre trás qualidade na estação de trem Guaianazes a espera para embarcar num trem sentido Luz, foi superior a uma hora, as trocas de acesso a plataforma causou estresse e desconforto entre os usuários, os esforços para se chegar a Santana se demonstraram válidos, pois ao entrar no Teatro Picollo pude apreciar a voz bonita e afinada da cantora Fernanda Marques.

Na sequência a estrela maior da noite surgiu brilhando, iluminando todo o público presente que veio de cantos diversos da cidade para ouvir sua voz marcante, afinada e aconchegante, foram lá ouvir os cantos e encantos de Jhony Uriel, o inglês fluente e cantado de forma belíssima por Uriel é uma demonstração de que não estamos órfãos e nem reféns de letras subversivas e de baixo calão, que destroem e tiram do Brasil a fama de celeiros de grandes cantores e interpretes.

Aquela noite em Santana com o Agito Cultural projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, foi uma demonstração de que não é uma verdade absoluta a falta de interesse do poder público em oferecer cultura ao povo.

A apresentação de Jhony Uriel foi um presente aos paulistanos e marcou a noite de sábado 13 de Abril para sempre na memória de quem viu e ouviu a estrela de Jhony Uriel brilhar no palco do Teatro Picollo que esta estrela não se apague. A música e seus admiradores agradecem.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo

Shows do Sampa Crew e Gabriel Corrêa fecham programação do aniversário de Poá