Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2011

Semana Bruno Martins Zero ou Dez

Twitter Folhetim: http://twitter.com/#!/FolhetimCultura

Página no Facebook do Folhetim: http://www.facebook.com/pages/Folhetim-Cultural/306412726048485?sk=wall



Blog do Bruno Martins: http://blogdobrunomartins.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/#!/comunicaobruno

Neste mês tivemos a estreia deste quadro aqui no Folhetim Cultural que continuará em 2012 a partir de fevereiro quando entra a nova programação do Folhetim Cultural!
Lula (Ex presidente da república, Deputado Federal e sindicalista) 10
Dilma Rousseff (Atual presidente da República) 3 
PT (Partido Politico) 8
PSDB (Partido Politico) 5
José Serra (Ex ministro da Saúde, exilado político, candidato a presidência da República por duas vezes, Prefeito da cidade de São Paulo e do Estado): 8
Geraldo Alckmin (Governador do Estado de São Paulo): 8
Nenê Simão (Ex prefeito da cidade de Santa Isabel): 2
Hélio Buscariolli (Atual prefeito da cidade de Santa Isabel): 8
Fernando Henrique Cardoso (Ex presidente da República) 4
Palhaço Tirir…

Semana Bruno Martins O Poeta Entrevista reprise

Twitter Folhetim: http://twitter.com/#!/FolhetimCultura

Página no Facebook do Folhetim: http://www.facebook.com/pages/Folhetim-Cultural/306412726048485?sk=wall

Blog do Bruno Martins: http://blogdobrunomartins.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/#!/comunicaobruno

Magno Oliveira: De onde vieram os amores pela, escrita, rádio e tevê?


Bruno Martins: Sabe que essa pergunta me remete a voltar ao meu passado, bem a escrita veio aos 16 anos numa redação que fiz em sala de aula para um concurso do dia das mães. Ali naquele papel eu coloquei toda a história da minha infância, tudo o que passei com minha mãe, a morte do meu pai um mês e meio após o meu nascimento e essa minha redação foi eleita a melhor da sala, só que já era tarde para me inscrever no concurso e então eu perdi. Mas eu vi que com aquela redação eu pude tocar algumas pessoas, eu vi que a nossa palavra ela tem poder só precisamos saber usá-la e eu não parei mais de escrever isso me movia e comecei arriscar produzir outros texto…

Semana Bruno Martins: Chá das 5: Hasta luego se Dios quiera

Imagem
Bruno Martins é radialista formado pelo SENAC SP, trabalhou numa rádio da cidade de Santa Isabel por um curto período de tempo. Ao longo deste ano esteve colaborando com este blog, que junto com Magno Oliveira criou, através do Chá das 5. Nesta última semana reservamos esta homenagem a este futuro talento do jornalismo brasileiro com a Semana Bruno Martins.
Blog do Bruno Martins: http://blogdobrunomartins.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/#!/comunicaobruno

Twitter Folhetim: http://twitter.com/#!/FolhetimCultura

Página no Facebook do Folhetim: http://www.facebook.com/pages/Folhetim-Cultural/306412726048485?sk=wall
Hasta luego se Dios quiera


Ola que tal? Estoy muy bien e tu? Estoy muy bien gracias... Pero aora me voi por las calles. Entonces hasta luego se Dios quiera... A conversa era assim rápida o menino não tinha muitos argumentos para conversar em outro idioma com seu velho amigo já um homem de cabelos grisalhos de nome Armando. Armando era um brasileiro, aventureiro que adorava conv…

Semana Bruno Martins: Chá das 5: Um mundo sem mulher

Bruno Martins é radialista formado pelo SENAC SP, trabalhou numa rádio da cidade de Santa Isabel por um curto período de tempo. Ao longo deste ano esteve colaborando com este blog, que junto com Magno Oliveira criou, através do Chá das 5. Nesta última semana reservamos esta homenagem a este futuro talento do jornalismo brasileiro com a Semana Bruno Martins.
Blog do Bruno Martins: http://blogdobrunomartins.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/#!/comunicaobruno

Twitter Folhetim: http://twitter.com/#!/FolhetimCultura

Página no Facebook do Folhetim: http://www.facebook.com/pages/Folhetim-Cultural/306412726048485?sk=wall

Um mundo sem mulher

Um mundo sem mulher seria um mundo sem vida, Um mundo sem batom e lápis de olho. Um mundo sem mulher seria uma Avenida Paulista só de carros pretos; Seria ir ao estádio e não ouvir mais “Gostoso” mesmo quando o jogador acabara de perder um pênalti. Um mundo sem mulher é em cada esquina você encontrar apenas barbearias em vez de salão de cabeleireiros, onde…