Palestras e filmes discutem a temática “Universalismo e Diversidade”, no Centro Cultural Banco do Brasil, de 28 de novembro a 02 de dezembro.


Tendo por ponto de partida um tema crucial da contemporaneidade, a Giramundo Consultoria Cultural promove uma série de palestras e exibições de filmes com foco no estimulo de profunda discussão sobre a tensão entre as ideias de universalismo e diversidade. As atividades serão realizadas de 28 de novembro a 02 de dezembro, no Centro Cultural Banco do Brasil. A curadoria do evento é do sociólogo Renato Ortiz.

As palestras são divididas em três modalidades: “Cultura e Política”, “Contexto latino-americano” e “Mundialização e Diversidade”. Todos os encontros acontecem das 19h às 21h na sala de cinema com capacidade para 70 lugares.

No dia 29 de novembro o tema abordado será “Cultura e Política”. Os palestrantes Juca Ferreira (sociólogo e ex-ministro da cultura) e Renato Janine Ribeiro (professor titular de Ética e Filosofia Política na USP), acompanhados da mediadora Miqueli Michetti (Fundação Getúlio Vargas) vão discutir quais são os reflexos da elaboração de políticas culturais no reconhecimento dos direitos culturais e na afirmação das identidades nacionais, locais, e étnicas.

No dia 30 de novembro a palestra terá foco no contexto latino americano, destacando a problemática sobre a pluralidade cultural do continente. A mediadora Elide Rugai Bastos (UNICAMP) e os palestrantes Carlos Altamirano (Universidade Nacional de Quilmes, Argentina) e Alejandro Grimson (Universidade Nacional de San Martin, Argentina) vão tratar de forma ampla como o tema “Universalismo e Diversidade” se insere no contexto de países com populações mestiças, nos quais as origens européias, indígenas e negras se mesclam.
No dia 01 de dezembro, a palestra intitulada “Mundialização e Diversidade” contextualiza a problemática do universalismo e da diversidade em meio ao processo de globalização tecnológica, do mercado capitalista mundial, além de suas implicações na esfera cultural. Como participantes estarão o mediador Marcelo Ridenti (UNICAMP) e os palestrantes Marc Abélès (professor e pesquisador da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais, França) e Renato Ortiz (professor titular de sociologia na UNICAMP).
Tanto na abertura quanto no encerramento do evento (dias 28 de novembro e 02 de dezembro) serão exibidos três filmes que tratam da temática proposta: “Cinema, Aspirinas e Urubus”, “Identidade de Nós Mesmos” e “Babel”.
No longa metragem “Cinema, Aspirinas e Urubus”, do diretor Marcelo Gomes, é retratado o encontro de dois homens com histórias de vida bem diferentes: um alemão refugiado da 2ª Guerra Mundial e um sertanejo. A dupla se encontra no sertão nordestino de nosso país em 1942 e a partir daí começam a trabalhar juntos exibindo filmes promocionais, com objetivo de vender um remédio "milagroso" para pessoas que jamais tiveram a oportunidade de ir ao cinema (Brasil, 101 minutos, cor, 2005, português).
Dia 28 de novembro às 15 horas e 02 de dezembro às 17 horas.
Documentário produzido na Alemanha, “Identidade de Nós Mesmos”, traz o cineasta Wim Wenders conversando com o estilista Yohji Yamamoto sobre processo criativo. Além disso, o filme traz uma avaliação sobre o relacionamento entre as cidades e a identidade com o cinema na era digital (Alemanha, 79 minutos, cor, 1989, legendado).
Dia 28 de novembro às 17 horas e 02 de dezembro às 15 horas.
Por último, o filme “Babel”, dirigido pelo mexicano Alejandro González Inárritu, produzido em uma parceria entre França, Estados Unidos e Mexico, conta a trajetória de vários personagens ao redor do planeta que tem suas histórias interligadas por meio de uma arma (EUA / México, 143 minutos, cor, 2006, legendado).
Dia 28 de novembro e 02 de dezembro às 19 horas.
“Quanto mais o mundo se globaliza, mais a questão da diversidade se impõe. Essa aparente contradição é o que nos interessa discutir nesse seminário” Renato Ortiz, professor titular de sociologia na UNICAMP e curador do evento.
 Sábado e domingo no Folhetim Cultural de manhã coluna No Café da Manhã com Poesia por Magno Oliveira
SERVIÇO 
“Universalismo e Diversidade” no CCBB
Centro Cultural Banco do Brasil
Rua Álvares Penteado, 112 – Centro – São Paulo - SP
Telefones: (11) 3113-3651/ 3113-3652
Programação:
Palestras, início às 19h:
29 de novembro – Tema: “Cultura e Política”

Mediação: Miqueli Michetti (FGV)
Palestrantes: Juca Ferreira  e Renato Janine
30 de novembro – Tema: “O contexto latino-americano”

Mediação: Elide Rugai Bastos
Palestrantes: Carlos Altamirano e Alejandro Grimson
1º de dezembro – Tema: “Mundialização e Diversidade”

Mediação: Marcelo Ridenti
Palestrantes: Marc Abélès e Renato Ortiz
Filmes:
 Cinema, Aspirinas e Urubus”, de Marcelo Gomes
28 de novembro, às 15h
02 de dezembro, às 17h
 “Identidade de Nós Mesmos”, documentário de Wim Wenders
28 de novembro, às 17h
02 de dezembro, às 15h
 “Babel”, de Alejandro González Inárritu
28 de novembro e 02 de dezembro, às 19h

Vídeo Release: http://youtu.be/qCcdtJDP9ZY
Link para a página do CCBB: http://goo.gl/zZViW

12 horas Na Hora do Almoço com Poesia por Beto Ribeiro...

Contato com o Folhetim Cultural: folhetimcultural@hotmail.com 
Fonte: Baobá Comunicação
Postagem: Magno Oliveira



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

REUNIÃO DO CONSELHO DE CULTURA DE POÁ SERÁ DIA 19

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo