Palavras da Carolina

Nasci em Suzano mas moro em Poá desde os 3 dias de idade. Sempre adorei ler o que me deu mais criatividade para escrever. Adoro jogar, estudar, ouvir música (o gênero depende muito do meu humor ou do que estou fazendo).

Carolina Pinheiro Lomba - Palavras da Carolina Terça ás 18 horas

Não existe separação física quando as duas almas são conectadas pelo amor. 




"  Ele faz meu vestido deslizar
Sinto seus braços colhendo meu corpo e o pousando com carinho no lençol champanhe.
Sua barba roça em minhas coxas,
Seus olhos me devoram,
seu sorriso de malícia...
Sexo teso,
Movimentos ríspidos,
Prazer lancinante,
Face vermelha,
Pernas vibrando...
Explosão! Gritos!
Corpos desfalecidos.
Ele só dança no escuro, 
Na horizontal...
Em cima de mim."






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

REUNIÃO DO CONSELHO DE CULTURA DE POÁ SERÁ DIA 19

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo