4ª FESTIVAL DE MÚSICA EM TRANCOSO MOVIMENTA A CIDADE COM O MELHOR DA MÚSICA ERUDITA E POPULAR

   Evento une grandes nomes em oito dias de apresentações e também promove atividades 
             que fazem das artes um instrumento de desenvolvimento e inserção social


Teatro L'Occitane



O festival Música em Trancoso (MeT) chega à sua quarta edição levando muitos motivos para os fãs da música erudita e também para os moradores da cidade comemorarem. Marcado para 7 a 14 de março de 2015 é muito mais do que um evento musical cujo sucesso aumenta a cada edição, o MeT também se fortalece como um efetivo fomentador sociocultural, turístico e econômico na região. 

Em 2014, durante oito dias de festival foram recebidos cerca de 10 mil espectadores, entre moradores da região e fãs de música clássica vindos de dentro e fora do País. Em 2015, a movimentação também será intensa. O público esperado gira, novamente, em torno de 1.000 pessoas ao dia, todas elas atraídas pela programação de alta qualidade, formada por cerca de 40 solistas, maestros e dançarinos e, também, duas orquestras – Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto e Orquestra Experimental de Repertório –, totalizando 200 músicos.            
Entre os grandes nomes eruditos e populares com presença confirmada no festival, é possível destacar a mezzo soprano búlgara Vesselina Kasarova, o vibrafonista californiano Joe Locke, o tenor argentino Enrique Folger, os maestros Roberto MinczukCarlos Moreno e o francês Benoit Fromanger, o violinista da Filarmônica de Berlin, Rüdiger Liebermann, o Quinteto Celibidache - liderado por Lorenz Nasturica-Herschowici, o pianista Maciej Pikulski, o consagrado músico Cesar Camargo Mariano e os sambistas Paulinho da Viola e Fabiana Cozza (confira a programação completa em anexo).
Além apresentar espetáculos concorridos e de alto nível, o MeT também é responsável por fazer de Trancoso um verdadeiro palco para o intercâmbio artístico. Isso porque 600 alunos de cinco escolas dessefamoso distrito do sul da Bahia serão levados para assistir aos eventos gratuitamente e, para intensificar ainda mais a imersão dos jovens dentro do universo do erudito e despertar o interesse e o talento, os estudantes de música poderão participar de masterclasses diárias, ministradas e preparadas pelos solistas participantes durante toda a semana do evento. A programação ainda será estendida para além do Teatro L’Occitane (onde acontecem os concertos principais),com previsão de duas apresentações gratuitas ao ar livre na Praça do Bosque.             
Mesmo que ocorra depois que a alta estação se encerra em Trancoso, o MeT também traz grandes resultados para o turismo. Durante todas as edições, os meios de hospedagem e restaurantes registram 100% de ocupação e, muitas vezes, a renda obtida por vans e taxis é superior à apurada durante todo o verão. Em 2014, as microempresas tiveram um faturamento acima R$ 600 mil. 

Festival de Música em Trancoso 2015   
Data: 7 a 14 de março de 2015   
Horário: a partir das 18h30          
Local: Teatro L’Occitane               
Endereço: Condomínio Villavista Golf – Empreendimento Terravista– Trancoso, BA      
Duração das apresentações: 1h30           
Ingresso: R$ 100,00 (por noite)                 
As entradas podem ser reservadas com antecedência via Ingresso Rápido.
Mais informações e programação completa*: http://musicaemtrancoso.org.br
*Sujeita à alteração.

SOBRE O MÚSICA EM TRANCOSO

O Música em Trancoso (MeT) surgiu em 2012 como fruto do sonho de quatro amigos. Sabine Lovatelli, Reinold Geiger, Carlos Eduardo Bittencourt e François Valentiny desejavam realizar um evento que reunisse jovens músicos e profissionais consagrados e, ao mesmo tempo, colaborasse para promover as belezas naturais da região e estimulasse seu desenvolvimento econômico. Com direção artística e administrativa do Mozarteum Brasileiro, já passaram pelo MeT mais de 25.000 espectadores e 300 músicos subiram ao palco, reunindo intérpretes de reconhecimento internacional de música erudita e popular do Brasil e de várias partes do mundo, além de orquestras jovens brasileiras. No palco do Teatro L’Occitane apresentaram-se nomes consagrados da cena mundial, como o duo de pianos Katia e Marielle Labèque, a diva do jazz Jane Monheit, a Banda Mantiqueira, a soprano Julia Thornton, a cantora Leny Andrade, o pianista David Gazarov, o violoncelista Leonard Elschenbroich, o flautista Benoit Fromanger e, em todas as edições, o músico Cesar Camargo Mariano, além da jovem brasileira, mezzo soprano, Josy Santos. O MeT mantém três atividades interligadas, que acontecem durante todo o evento: espetáculos e masterclasses no Teatro L’Occitane (obra do arquiteto François Valentiny) e aulas de iniciação musical nas escolas públicas da cidade. Com duas plateias (uma coberta e outra ao ar livre, com 1.100 lugares cada), o anfiteatro irá também abrigar variadas atividades culturais e socioeducativas, transformando-se num centro permanente de produção e disseminação cultural. Seu anexo, o Facilities, é dotado de sete salas de ensaio e aulas, bar, salas de reunião e toaletes.
 Fonte: Baobá Comunicação
Postagem: Dhyne Paiva

Comentários

Postar um comentário

Obrigado por interagir conosco!

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

REUNIÃO DO CONSELHO DE CULTURA DE POÁ SERÁ DIA 19

Arquivo da Música: Roupa Nova