EXPOÁ 2011: Cerca de 300 mil pessoas visitaram a Expoá 2011


Cerca de 300 mil pessoas prestigiaram a 39ª edição da Exposição de Orquídeas e Plantas Ornamentais de Poá (Expoá) durante os cinco dias de evento que foi realizado na Praça de Eventos, situada na região central da cidade. A festa mais tradicional do município contou com uma média de público de 60 mil pessoas por dia, confirmando que a nova Praça está apta a receber grandes eventos.
Com os shows de Michel Teló, Alexandre Pires, Skank, Mattos Nascimento, Régis Danese e Calcinha Preta, a Expoá ganhou em alegria e descontração. “Sem dúvida, foram shows incríveis e que agradaram o público e fizeram com que essa festa superasse as nossas expectativas”, afirmou o Secretário de Cultura, Douglas Aspasio.
Além dos shows, a tradicional exposição de orquídeas também se destacou não só pela beleza das plantas, mas também pela decoração do novo Centro de Convenções que agradou os visitantes. O evento ainda contou com a 2ª Feira das Indústrias, com o restaurante do Fundo Social de Solidariedade, a Feira de Artesanato e a área de comercialização das plantas, além da Praça de Alimentação. “Só temos que agradecer ao prefeito Testinha (Francisco Pereira de Sousa) pelo apoio, as demais secretarias que trabalharam juntas pela realização deste evento e, principalmente, ao público que compareceu à Praça de Eventos para prestigiar a Expoá 2011”, afirmou Aspasio. Ele aproveitou para destacar também o clima de tranquilidade que tomou conta do evento e devido a forte segurança do local. “Apesar do grande número de visitantes, não houve ocorrências graves na festa, o que também serviu para confirmar ainda mais o sucesso do evento”, concluiu o secretário.

Fonte: SECOM Poá Secretaria de Comunicação
Postagem: Magno Oliveira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

REUNIÃO DO CONSELHO DE CULTURA DE POÁ SERÁ DIA 19

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo