No Café da Manhã com Poesia: Você é tudo o que quero



Está coluna é publicada todas as manhãs de sábado.


Magno Oliveira criou o blog Folhetim Cultural em 2010 com o radialista Bruno Martins. Teve a poesia Heroico Sorriso publicada no ano de 2011 no livro Antologia Poética do 1° Concurso de Poesias Augusto dos Anjos. Em 2012 criou seu blog oficial Poeta Magno Oliveira e ainda no primeiro semestre deste ano pretende lançar seu primeiro livro de poesias.



Poesia: Você é tudo o que quero


Velhos textos, antigas poesias,
Remetem-me a você e os nossos dias.
Nossos dias serão para sempre.
Mas não quero viver só de lembrança
Vou deixar de ser essa grande criança
Não vou mais fazer nenhuma lambança.
Mas não posso negar
Eu sempre vou te lembrar
Mesmo sem querer
Sem eu perceber
Vou te amar.
Você é tudo o que eu quero,
Você é tudo o que eu quero.
Podem me amarrar
Mas vou sempre me amarrar em você.
Mas eu não vou mais cobrir suas falhas
Pode fazer suas malas
Pode mudar de cidade
Não precisa me deixar endereço, ou telefone,
Mas negar isso seria falsidade
Você é tudo o que eu quero,
Você é tudo o que eu quero.
Vou querendo ou não
Lembrar dos nossos dias
Meu coração
Tem saudade dos nossos momentos de alegrias
Você é tudo o que eu quero!

Magno Oliveira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo

Shows do Sampa Crew e Gabriel Corrêa fecham programação do aniversário de Poá

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”