No Café da Manhã com Poesia: Estação da vida


Magno Oliveira é poeta, blogueiro e repórter cultural. Junto com o radialista Bruno Martins criou o Blog Folhetim Cultural e todo sábado escreverá No Café da Manhã com Poesia. 




Twitter: @oliveirasmagno ou twitter/oliveirasmagno
Telefone: 55 11 61903992
E-mail oliveira_m_silva@hotmail.com ou bemblogs@hotmail.com
 



Estação da vida 


Não vou lhe falar

Sobre o que poderia ter acontecido Comigo,
Vou te mostrar
Tudo o que eu tenho vivido.
Amigo Fácil falar, Díficil realizar.


A noite sentado me sentindo sozinho
No meio da multidão precisando de carinho
Eu vi sonhos passarem
Outros chegarem.


Na estação da vida
Ninguém liga para a sua lida
Se você não dá importância para si
Se você não dá valor para ti.


Eu quero viver,
Viver e sonhar.
Eu quero fazer,
Fazer e amar.


Magno Oliveira

Tradução em espanhol


Temporada de la Vida
No voy a decirte
Acerca de lo que podría haber sucedido
Yo,
Te voy a mostrar
Todo lo que he vivido.
Amigo
Fácil hablar,
Difícil de lograr.
La noche sentado solo sentimiento
En la multitud que necesitan atención
He visto pasar los sueños
Otros llegan.
En la etapa de la vida
Nadie se preocupa por su labor
Si no cuidar de sí mismos
Si usted no da valor para usted.
Quiero vivir
Vivir y soñar
Lo que quiero hacer
Y hacer el amor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo

Shows do Sampa Crew e Gabriel Corrêa fecham programação do aniversário de Poá