O Autor na Praça recebe o jornalista João Roberto Laque finalista do prêmio Jabuti 2011


No próximo sábado, dia 15 de outubro, três dias antes do anúncio dos ganhadores do Prêmio Jabuti 2011, o convidado do projeto O Autor na Praça é o jornalista João Roberto Laque, autografando “Pedro e os Lobos – Os Anos de Chumbo na trajetória de um guerrilheiro urbano”, o livro é um dos finalistas do Prêmio Jabuti 2011 na categoria livro-reportagem. “A indicação vem a calhar, num momento em que o país é governado por uma ex-companheira de Pedro Lobo de Oliveira na luta armada e que se discute a implantação de uma “Comissão da Verdade” no Congresso para apurar os crimes acontecidos durante a ditadura militar”, diz o autor. O vencedor do prêmio será anunciado no dia 18 de outubro. Durante o evento, no Espaço Plínio Marcos, o livro será vendido a um preço especial (R$ 50,00).


Serviço: O Autor na Praça recebe autor João Roberto Laque finalista do Prêmio Jabuti 2011.


Dia 15 de outubro, sábado, a partir das 14h – Evento em espaço aberto ao público.


Espaço Plínio Marcos (Tenda na Feira de Artes da Praça Benedito Calixto) - Pinheiros.


Informações: Edson Lima – 3739 0208 / 9586 5577 - edsonlima@oautornapraca.com.br.


Realização: Edson Lima & AAPBC.


ApoioCasa Puebla, AEUSP, Artver, Max Design, Cantinho Português, TV da PRAÇAEnlace-media.com e Restaurante Consulado Mineiro.


O livro “Pedro e os Lobos – Os Anos de Chumbo na trajetória de um guerrilheiro urbano”, 
do jornalista João Roberto Laque, acaba de ser indicado para a final do mais tradicional prêmio literário brasileiro. Em apuração realizada pela Câmara Brasileira do Livro no dia 21 de setembro, “Pedro e os Lobos” foi escolhido como um dos finalistas ao Jabuti na categoria livro-reportagem, ao lado de autores como: Ricardo Kotscho, Laurentino Gomes, Luís Fernando Veríssimo e Zuenir Ventura. A obra narra, com linguagem ágil e envolvente, todo o período que vai da posse de Jânio Quadros ao fim do governo João Figueiredo. E, para levar ao leitor um painel dos Anos de Chumbo a partir da ótica da guerrilha, o autor usa como fio condutor a vida de Pedro Lobo de Oliveira, um dos mais aguerridos combatentes urbanos da época. Laque diz que a maioria dos brasileiros ainda desconhece os detalhes da guerra travada entre os combatentes da esquerda armada e os militares nesse período. “Na última campanha presidencial, por exemplo, cansei de ouvir a frase: — Se a Dilma foi presa no passado, é porque alguma coisa ela fez. Então, essa mulher não pode ser presidente do Brasil! Isso é fruto de pura desinformação.” O jornalista acredita que, a partir da indicação e do possível prêmio Jabuti, seu trabalho ganhará mais visibilidade. “Existe um enorme preconceito por parte da grande imprensa e das redes de livrarias em relação a obras literárias produzidas de forma independente. Com este aval dado pelos jurados do Jabuti, colocando meu nome ao lado de grandes ícones do jornalismo literário brasileiro, ganho a possibilidade de tentar quebrar essas barreiras”. Saiba mais: www.pedroeoslobos.com / www.pedroeoslobos.blogspot.com. Vega Editora – 640 págs, R$ 50,00 (Preço especial no evento.

Sobre João Roberto Laque - É jornalista formado pela USP onde também cursou História. Professor nos anos 80 foi também redator do jornal e editor de texto da revista Nova Escola, publicada pela Fundação Victor Civita, do Grupo da Editora Abril. Depois de se dedicar a vida de empresário, João Roberto decidiu enveredar pelos caminhos da literatura, escrevendo o romance – ainda inédito – “Os bêbados da Praça da Matriz”. Agora como jornalista usa a trajetória pessoal do ex-combatente da Vanguarda Popular Revolucionária, Pedro Lobo de Oliveira, para compor um relato vibrante da ascensão e queda dos movimentos guerrilheiros que atuaram no Brasil nos anos de chumbo. O livro “Pedro e os Lobos”, lançado recentemente é finalista do Prêmio Jabuti 2011, na categoria livro-reportagem, e coloca João Roberto Laque ao lado de outros nomes do jornalismo literário brasileiro, também concorrentes ao prêmio Jabuti deste ano: Ricardo Kotscho, Laurentino Gomes, Luís Fernando Veríssimo e Zuenir Ventura. Saiba mais: www.blogdolaque.blogspot.com.
Fonte: Organização do Evento
Postagem: Magno Oliveira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça um pouco mais sobre Carla Cristina Garcia ministrante da oficina cultural “A literatura e a moda: A estranha relação entre as palavras e o corpo”

No Café da Manhã com Poesia: Uma pequena crônica de uma manhã de domingo

Shows do Sampa Crew e Gabriel Corrêa fecham programação do aniversário de Poá